Últimas Notícias
Agricultura
Brasil
Brasileirão
Colunistas
Copa Do Mundo
Cultura E Lazer
Economia
Eleições
Esportes
Expediente
Geral
Internacional
Maringá
Noite / Festas
Notícia Regional
Pan Rio2007
Paraná
Paranaense
Pequim 2008
Política
Saúde E Ciência
Tecnologia
Loterias
Página Principal
.:: P U B L I C I D A D E ::.
 
 
 
 
 
 
 
Esportes
18/05/2017

Maior problema de confederação é não ser transparente, diz presidente da CBB


A gestão do presidente da Confederação Brasileira de Basquete (CBB), Guy Peixoto, espera para esta quinta-feira uma importante confirmação. A entidade está próxima de obter a Certidão Negativa de Débito (CND) da Receita Federal e, com esse documento, poderá pleitear o repasse do Comitê Olímpico do Brasil (COB) - R$ 4 milhões anuais - e outros R$ 5 milhões em verbas provenientes dos projetos de incentivo ao esporte. A possibilidade de liberação do dinheiro após exatos 68 dias de trabalho árduo arranca um sorriso do rosto do dirigente, que concedeu entrevista exclusiva ao jornal O Estado de S.Paulo em um hotel localizado na zona sul de São Paulo. Desde que assumiu uma entidade suspensa pela Fiba e sem receita, Guy Peixoto tirou dinheiro do bolso para contornar o cenário de terra arrasada. Ex-jogador e empresário bem-sucedido, ele aceitou o desafio após ouvir pedidos de ex-atletas como Wlamir Marques, Amaury Pasos, Marquinhos Abdala e Hélio Rubens. Ele quer deixar tudo em ordem nos quatro anos de mandato e, diferentemente dos antecessores, promete não concorrer à reeleição. "Vou me doar para contribuir com o basquete".


  ÚLTIMAS NOTÍCIAS